sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Assim Vejo a Vida

Assim Eu Vejo a Vida

A Vida tem duas Faces:
Positiva e Negativa
O Passado foi duro
mas deixou o seu legado
Saber Viver é a grande Sabedoria
Que eu possa Dignificar
Minha condição de Mulher,
Aceitar suas limitações
E me fazer pedra de Segurança
dos valores que vão desmoronando.
Nasci em Tempos rudes
Aceitei contradições
lutas e perdas
como lições de Vida
e delas me sirvo
Aprendi a Viver.

Cora Coralina

quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Poema...O Tempo

O Tempo

A Vida é o dever que nós trouxemos para fazer em Casa. 
Quando se vê, já são seis Horas! 
Quando de vê, já é Sexta-feira! 
Quando se vê, já é Natal... 
Quando se vê, já terminou o Ano... 
Quando se vê perdemos o Amor da nossa Vida. 
Quando se vê passaram 50 Anos! 
Agora é Tarde demais para ser reprovado... 
Se me fosse dado um Dia, outra oportunidade, 
eu nem olhava o relógio. 
Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo Caminho 
a casca dourada e inútil das Horas... 
Seguraria o Amor que está à minha frente 
e diria que eu o Amo... 
E tem mais;
não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de Tempo. 
Não deixe de ter Pessoas ao seu lado por puro medo de ser Feliz. 
A única falta que terá será a desse Tempo 
que, infelizmente, nunca mais voltará.

Mário Quintana

segunda-feira, 14 de outubro de 2019

Poema-Lua Adversa

Lua Adversa

Tenho fases, como a Lua. 
Fases de andar escondida, 
fases de vir para a rua... 
Perdição da minha Vida! 
Perdição da Vida minha! 
Tenho fases de ser tua, 
tenho outras de ser sozinha. 
Fases que vão e vêm, 
no Secreto Calendário 
que um Astrólogo arbitrário 
inventou para meu uso. 
E roda a melancolia 
seu interminável fuso! 
Não me encontro com ninguém 
(tenho fases como a Lua...) 
No dia de alguém ser meu 
não é Dia de eu ser sua... 
E, quando chega esse Dia, 
o outro desapareceu...

Cecília Meireles

sexta-feira, 11 de outubro de 2019

Celebrando o Outono


Olá  Amizades!!!
Hoje deixo aqui os meus novos Trabalhos,para Celebrar o Outono.
Estes e muitos outros Desenhos com Temas variados, estão á sua Disposição em diversos Artigos.
Para visitar o Site basta clicar nas Imagens e Boa Visita!!!
Obrigada Amigos pelas vossas Visitas e Comentários e a Todos eu desejo uma Excelente Tarde!!!

Mensagem de Buda

Nossa existência é transitória como as nuvens do Outono. 
Observar o Nascimento e a Morte do ser 
é como olhar os movimentos da dança.
Uma Vida é como o brilho de um relâmpago no Céu. 
Levada pela torrente Montanha abaixo.

Buda

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Poema-Folhas de Outono

Folhas de Outono

Cada folha que cai na minha Vida
É como se meu Coração murchasse
Vivo cada minuto de forma sentida
Como se a vida jamais acabasse.

Olho à minha volta, e tudo o que vejo
Dá-me vontade de Amar mais ainda
A todas as pessoas dar um terno Beijo
Fazer do Mundo, coisa Rara e Linda.

Viver o Amor tão Intensamente
Sentir-me Feliz ao dar Felicidade
Amar, Amar tão Perdidamente
Sonhando acordada com esta Verdade.

Verdade que eu Sonho, viver ao teu lado
Num futuro risonho e Primaveril
Apesar do Tempo que em mim é Passado
Sonho e Sonharei, Primaveras mil.

Arlet

segunda-feira, 7 de outubro de 2019

O Outono de Miguel Torga

Vento que passas, leva-me contigo.
Sou poeira também, folha de Outono.
Rês tresmalhada que não quer abrigo
No calor do redil de nenhum Dono.
Leva-me, e livre deixa-me cair
No deserto de todas as Lembranças,
Onde eu possa dormir
Como no limbo dormem as Crianças.

Miguel Torga